Palestrantes2018 | scrumday

Confira os grandes nomes do Scrum Day

Keynote - Kurt Bittner

VP de Enterprise Solutions da Scrum.org

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Gestão tradicional de produto foca em funcionalidades, coisas que a aplicação vai fazer, para definir seus produtos e lançamentos. Funcionalidades especificam como a aplicação vai funcionar. Elas são os entregáveis dos desenvolvedores.
Gerente de produto e usuários acreditam que definir os entregáveis é muito fácil, mas funcionalidades geralmente falham na entrega dos resultados de negócio que seus proponentes imaginam.
O que está faltando é um foco claro nos resultados que os clientes ou usuários estão tentando alcançar.
Um melhor entendimento dos resultados ajuda o Gerente de Produto e os times ágeis a entenderem o que os clientes realmente precisam, e assim construírem "experimentos" para ajudá-los a melhorar o entendimento das necessidades do cliente.
Essa apresentação vai explorar os benefícios de uma abordagem orientada a resultados e gestão de portfólio, e como fazer dar certo, incluindo o que isso significa para os times ágeis.

Keynote - Felipe Castro

OKR Coach Founder Lean Performance

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

A Vida é Curta Demais para Metas Waterfall

Você está trabalhando duro para que sua empresa seja ágil, mas o mindset de comando & controle ainda está vivo. Na maioria das empresas, metas ainda são completamente waterfall: top down, anuais, com longos ciclos de feedback e "big design upfront."

Metas waterfall transformam times em fábricas de features, com autonomia limitada e sem foco na entrega de valor.  Sem mudar a forma como definimos prioridades e incentivos, nunca alcançaremos agilidade organizacional. 

A alternativa é OKR (Objectives and Key Results) o modelo de metas ágeis utilizado por empresas como Google, Spotify e Nubank. Esse Keynote vai mostrar como você pode usar OKR para criar times autônomos, alinhados, data-driven e focados na entrega continua de valor.

Silvia Cagliari

Program Manager

  • LinkedIn - círculo cinza

Program Manager: menos mito, mais ação

Ewerton Santos (Ton)

Business Agility & Lean Enterprise LATAM na Acenture

  • LinkedIn - círculo cinza

Ari do Amaral

Agile Manager na Accenture

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Como as organizações aprendem

Para construir produtos e serviços realmente eficazes, as empresas estão buscando na eficiência do Agile, uma forma de aprimorar seus resultados. Mas entre as práticas, o backlog e a formação dos times, existe um verdadeiro abismo na forma em como os individuos aprendem. Pensando neste GAP, nossa palestra visa resgatar a essencia da aprendizagem como estratégia corporativa na busca por diferencial competitivo nas organizações. Dentre os principais questionamentos: Será que estamos aprendendo mais diante da agilidade? Podemos construir produtos melhores, aprendendo melhor? O modelo de aprendizagem atual da sua organização é efeitvo? Traz mais resultado para sua empresa ou mais custos? É possível gamificar uma grande organização? Essas e outras perguntas serão conduzidas através de uma facilitação leve e da troca de experiências de todo o púlbico presente.

Felipe Fernandes

Diretor Geral & co-fundador na CodeClub Brasil

  • LinkedIn - círculo cinza

Maurício Costa Pinheiro

Board Member na CodeClub Brasil

  • LinkedIn - círculo cinza

Antonio Costa
Agile Coach na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza

Antonio é Scrum Trainer da Scrum.org, e nessa palestra ele vai fazer uma associação as 8 instâncias do SM. O objetivo é que um SM consiga fazer melhor coaching do PO e um PO consiga se desenvolver mais...

Qual importância e os benefícios de ensinar programação às nossas próximas gerações? E como nós, mesmo sem ter experiência prévia em programação, podemos colaborar com isso? Se atualmente nossos professores não sabem programar, então talvez os fluentes em linguagens de computador e/ou apaixonados por tecnologia e educação poderiam ajudar ao criar clubes de programação para que os pequenos aprendam a criar coisas incríveis e super divertidas usando o computador.

Vitor Guerra

Product Leader no Reclame Aqui

  • LinkedIn - círculo cinza

Especialidades, necessidades, olhares, velocidades diferentes... Vamos debater como fazer tudo isso funcionar em harmonia :)

Mayra Souza

Agile Coach na ZAP Viva Real

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Nesse workshop de 2h, as pessoas participantes irão transitar, de uma maneira simples e divertida pelos diversos momentos da indústria - da Ford à revolucionária Toyota - entendendo conceitos do desenvolvimento lean de software por meio do Sistema Toyota de Produção, que tem como objetivo a redução de desperdícios, a melhora na qualidade de entrega e a diminuição do tempo e do custo de produção.

Rodrigo Giaffredo

Agile Transformation Leader na IBM

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Inteligência Relacional, o super poder dos times ágeis

Existe um blend de qualidades que os indivíduos possuem, e sempre que elas aparecem juntas em times de profissionais, resultam em desempenho exponencial. Quer saber mais? Cola no rolê que a gente troca ideia.

Diogo Riker

Agilista na PagSeguro

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Quando falamos de agilidade, encontramos fatores como multidisciplinaridade e entrega de valor. Tendo isso em mente, olhe para o seu time e reflita: você enxerga esses aspectos presentes? A existência de silos é algo muito comum no cotidiano do seu time? A comunicação entre a área técnica e de negócios não é tão clara? O que é mais recorrente no final de cada sprint: incremento do produto ou desculpas? Nas retrospectivas, a busca por culpados é constante? Se essa visão é frequente em seu dia-a-dia, receio que você possui um time tarefeiro. Chega junto e veja como combater esse mal!

André Vidal

Diretor na Agile Think

  • LinkedIn - círculo cinza

Gestão Ágil de Produtos: Como criar um framework para o trabalho do PO

Tanto na Gestão Ágil de Produtos, como na aplicação de frameworks baseados em Lean Requirements, não basta apenas que o Product Owner tenha um vasto conhecimento sobre um determinado produto; é necessário também que ele compreenda o negócio, tenha visão estratégica e domine a cadeia de valor do produto. Nessa palestra falaremos de como estamos auxiliando Product Owners a se tornarem verdadeiros “Donos de Produto”, criando jornadas de trabalho mais assertivas e enxutas, agregando cada vez mais valor ao negócio e a seus Stakeholders.

Rafael Jaguá

Agile Coach na McKinsey & Company

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Product Owner em máxima potência

Como priorizar de verdade seu backlog e atuar para maximizar o retorno do investimento em ciclos curtos, assumindo os riscos necessário através de técnicas que lhe propiciam lidar com essa complexidade. Venha participar dessa palestra e entender as diferenças entres requisitos e hipótese e como fazer para focar no problema e auxiliar o time a atuar na solução. Método Científico, hipóteses, retorno de investimento, Resolução de Problemas e muito mais.

Ceci Fernandes

Full spectrum Agilist na ThoughtWorks

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Em um mundo em que falamos cada vez mais sobre desenvolver produtos, em vez de projetos, vemos mudanças de discursos e técnicas na análise de negócios, no planejamento, na priorização, na forma de mostrar o valor do que foi feito, etc. E para desenvolvedores de software, o que muda? Venha conhecer quais são as novas habilidades e técnicas para tornar todo o resto possível!

Victor Lima

Head of Mobile Products na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Estratégia para produtos e serviços digitais apesar de ser um tópico muito amplo e importante, muitas vezes não é discutido com profundidade dentro da comunidade. O objetivo dessa palestra é abordar diversos aspectos teóricos e práticos da definição de estratégia de um produto ou serviço, discutindo e explicando as diversas ferramentas, análises, boas práticas, dinâmicas e modelos mentais que auxiliam uma corporação a definir aonde e como ela quer posicionar os seus produtos e serviços no mercado.
Vamos começar com a visão e definição de objetivos, gestão de portfólio e investimento, depois focando nos diversos aspectos estratégicos de um produto/serviço em si, passando por diferenciação, modelos de negócios e estudos de caso para exemplificar.

Raphael Farinazzo

Gerente de Produtos na Resultados Digitais

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Os melhores apps perdem 15% dos usuários em 3 dias. Um app comum perde 70%. Métricas similares são observadas em produtos b2b. O que acontece nesse período que determina taxas tão diferentes? O onboarding!

Guilherme Motta

Agile Coach na Globo.com

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Independente da metodologia de desenvolvimento de software que você utilize, existe valor em apresentar o trabalho realizado. "..a apresentação do incremento destina-se a motivar e obter comentários e promover a colaboração." Baseado nos princípios, veremos os principais pontos a serem considerados nestas reuniões com o objetivo de despertar reflexões sobre o que estamos fazendo na prática.

Samuel Cavalcante

Agile Coach na knowledge21

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Luiz Rodrigues (Lula)

Agile Coach na Knowledge21

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Seu time não curte muito suas retrospectivas!? Retrospectivas no contexto do time geram mais engajamento do que as tradicionais. Nesta sessão exercitaremos novas formas de criar ou adaptar retrospectivas.

Renan Melo
Scrum Master na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza

Uma palestra com exemplos e ferramentas demonstrando como um time se comporta ao utilizar elementos de jogos no dia-a-dia , como inserir tais elementos no cotidiano do time e os possíveis ganhos.

Thiago Soares

Agile Coach na Youse Seguros

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Nesta sessão vamos apresentar um compilado dos melhores insights que tivemos em nossas jornadas profissionais como Agile Coaches. A ideia é trazer algumas dicas que gostaríamos muito de ter ouvido lá atrás no início desse caminho, falar um pouco sobre o nosso momento atual, nossos desafios como profissionais e explorar um pouco algumas possibilidades para o futuro. Faremos isso de forma que você consiga se conectar com as situações e contextos que vivenciamos e possa extrair seus próprios insights para as reflexões que eventualmente você esteja fazendo nesse momento da sua carreira.

Otávio Souza

Sr. Product Manager na 99

  • LinkedIn - círculo cinza

Startups e empresas tornam as vezes o processo ágil algo tão complexo que retornam ao modelo tradicional de desenvolvimento de software. Um sprint não é um mini waterfall, é preciso entender a formula correta para cada produto e para cada time.

Leonardo Pabon

Product Manager

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Foi um longo caminho desde o manifesto ágil. Hoje, o Scrum é o framework mais adotado. O papel do PO foi concebido para um time ágil de 3 a 10 pessoas. Na época, o principal desafio era entregar software. Hoje, as iniciativas de produto frequentemente exigem o trabalho coordenado de diversos times. Muitas vezes, chega-se a centenas de pessoas em uma iniciativa. Por outro lado, entregar software não é mais suficiente. É preciso criar impacto real na vida dos clientes e no negócio da sua empresa. O papel do product owner varia dependendo de cada um desses contextos. Veja algumas reflexões sobre o que é um PO em 2018.

Marcell Almeida

Product Manager na Intuit

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Um Roadmap tradicional não é suficientemente flexível para os métodos Lean e Agile. E quando eles possuem essa flexibilidade muitas vezes são fracos estrategicamente e acabam focando muito mais em features e datas do que em uma visão estratégica geral. Nesse Workshop você vai ver vários exemplos de Roadmap e as melhores práticas de Gerentes de Produto no desenvolvimento de Roadmaps. Você também terá a chance de por a mão na massa e usar algumas das técnicas que serão demonstradas. No fim do Workshop você será capaz de criar um roadmap com uma estrutura flexível que é focado em resultados estratégicos (outcome driven) e não em features e datas (output driven).

Arthur Castro

Product Lead na InstaCarro

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Escalando Produto e Design com Agilidade

Quando Produto e Design estão alinhados, escalar é uma consequência natural. E quais foram os passos que ajudaram uma startup a conseguir isso?

Andressa Chiara

Product Coach

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Twitter - círculo cinza

Dayane Andrade

Scrum Master na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza

Criar um produto é, antes de mais nada, lidar com pessoas. Entre usuários, stakeholders e o próprio time, há muitos obstáculos e conflitos que só conseguimos solucionar se soubermos como encontrar consenso e entender as motivações de cada indivíduo. Este treinamento tem como objetivo dar as ferramentas para superar estes desafios.

Thyago Rebelato

Agile Transformation Manager na BRQ

  • LinkedIn - círculo cinza

Ok, já entendi o benefício do ágil. Sei que vou entregar mais valor, ter pessoas mais engajadas e motivadas e blá, blá, blá... Mas como eu consigo medir a produtividade? Na prática, eu contrato diversas consultorias e preciso saber se elas estão sendo produtivas. Em todas as reuniões que participei com C-Level e gestores, me deparei com essa mesma pergunta. Como medir a produtividade. Preciso compartilhar com vocês o resultado disso!

Danilo Fascio

Partner na Target Teal

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza

Acreditamos que a gestão atual e a governança nas organizações estão ultrapassadas e não favorecem a evolução do ser humano e do seu trabalho. Estamos lutando contra os altos níveis de desengajamento e insatisfação nas organizações, sentidos durante as nossas carreiras e verificados por diversas pesquisas de institutos especializados. O que podemos fazer para dar o próximo passo em busca de uma experiência profissional mais adequada à natureza do trabalho do conhecimento? Falaremos sobre o fim da cadeia de comando (hierarquia de poder) e a substituição dela por um outro tipo de hierarquia, a do propósito, novas práticas, estudos de caso de diversas organizações que já estão avançando nessa direção (a muito tempo!) e os desafios e conquistas que estamos encontrando nessa jornada.

Fábio Fioratti

Scrum Master na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza

ScrumOps não se trata de um novo buzzword, também não e um novo framework, e não espere que ele seja uma "bala de prata".
Porem quebrar cilos e sair do status quo são desafios que nós profissionais que atuamos com Agilidade precisamos enfrentar. 
Como o Scrum o framework ágil mais utilizado no mundo e a cultura Devops podem trabalhar juntas, com uma visão holistíca, abrangendo a empresa de ponta a ponta.

Tancredo Inomata

DevOps na Concrete

  • LinkedIn - círculo cinza